Publicado por: Conselheiro Fnord | 22/11/2013

MUNDO DISCORDIANISTA: A probabilidade do planeta virar um inferno nas próximas décadas


Sabemos que a mudança climática já está alterando o clima da Terra, mas parece que ninguém sabe exatamente em que nível isso será prejudicial para nossa vida no futuro. Desculpem-nos os esperançosos, mas temos uma má notícia: cientistas tem uma boa noção das probabilidades da Terra virar um inferno nas próximas décadas, e elas são altas.

Pelo menos é essa a ideia de alguns cientistas como Felix Pharand Deschene, que coordenou a produção do vídeo abaixo (em inglês), baseado em informações recentes fornecidas pelo IPCC (Intergovernmental Panel on Climate Change ou Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas), estabelecido em 1988 pela Organização Meteorológica Mundial.

No vídeo é explicado que o consumo no planeta tem crescido exponencialmente, motivado pelo crescimento da população e pela globalização. A emissão de dióxido de carbono está acelerando, assim como outros gases do efeito estufa, que estão chegando a níveis nunca antes observados na história da humanidade. O sistema climático está se alterando rapidamente.

De acordo com o mais recente relatório do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas, é extremamente provável que os humanos sejam a causa dominante do aquecimento global observado nos últimos 60 anos.

Sem cortes nas emissões de gases do efeito estufa, é provável que a Terra tenha o aumento de 2 graus Celsius em relação ao período pré-industrial. De acordo com o relatório, o aumento pode acontecer até o ano 2050. Acredita-se que em 2100, ondas de calor virão com mais frequência, e é muito provável que o nível do mar aumente bruscamente, com o derretimento das geleiras. Cidades e zonas costeiras podem se tornar completamente vulneráveis.

As sociedades do futuro muito provavelmente terão que se adaptar às mudanças climáticas. Para não tornar nosso planeta praticamente inabitável, dependemos das decisões tomadas agora. Ainda é possível permanecer com o clima atual, sem o aumento de 2 graus. Para nos mantermos neste nível climático, a humanidade poderia emitir apenas mais 250 bilhões de toneladas de carbono nós queimamos cerca de 10 bilhões de toneladas de carbono por ano. Isso quer dizer que, no ritmo atual, vamos atingir o limite máximo cotado em apenas 25 anos a não ser que as lideranças mundiais resolvam se unir para tentar reverter este quadro. [Sploid/Youtube]

FONTE: http://hypescience.com/aquecimento-global-cientistas-tem-visao-pessimista-sobre-o-futuro-da-terra/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: