Publicado por: Conselheiro Fnord | 01/11/2011

DISCORDIANISMO: Acreditar ou pensar em Deus pode nos deixar “preguiçosos”… Já pensar na DEUSA ÉRIS…


070629_prayer_02jpg

Segundo uma nova pesquisa, não importa se você é um verdadeiro crente; pensar sobre Deus e/ou religião pode transformá-lo em um preguiçoso.

“Mais de 90% das pessoas no mundo concordam que Deus ou um poder espiritual semelhante existe ou pode existir”, disse a pesquisadora Kristin Laurin.

“Esta é a primeira evidência empírica de que simples lembretes de Deus podem diminuir alguns tipos de autorregulação, como perseguir objetivos, mas ainda pode melhorar outros, como resistir à tentação”.

Os resultados do estudo foram independentes das crenças dos participantes religiosos. Mesmo para aqueles sem uma crença pessoal em Deus, a cultura mundial está saturada de referências religiosas e imagens que poderiam afetá-los. Mesmo sem saber, estes sinais religiosos podem ter um efeito psicológico.

No novo estudo, os pesquisadores lançaram a mais de 350 estudantes de engenharia a ideia de Deus ou fé, oor exemplo, ao fazer os participantes escreverem uma frase usando uma lista de palavras com conotações espirituais.

Depois, os estudantes fizeram testes de habilidade em que tinham de criar tantas palavras quanto possível a partir de um grupo de letras. Quando tinham visto imagens ou linguagem religiosas antes, os estudantes pensaram em menos palavras, independentemente da sua origem religiosa.

Os pesquisadores acreditam que a “falta de esforço” do grupo que tinha ouvido sobre religião poderia ser ditada por uma crença que o destino está nas mãos de Deus.

Se os alunos acreditam que Deus controla o seu destino, tentar ser melhor não vai ajudá-los a ser melhor, resultando em um menor esforço. Este processo de pensamento parece ser inconsciente, mas apenas a presença de Deus, ou evocar palavras ou imagens sobre religião, podem alterar o comportamento das pessoas.

Um segundo estudo tentou os participantes com cookies, depois de terem lido uma de duas passagens – uma sobre Deus e outra sobre um tema não religioso.

Os participantes que leram a passagem de Deus não só relataram uma maior disposição para resistir à tentação, mas também eram menos propensos a servirem-se sozinhos dos cookies.

Esse efeito, entretanto, só foi encontrado entre os participantes que haviam dito anteriormente que acreditavam que uma entidade onisciente olhando por eles, embora a força de sua devoção a Deus que não tenha entrado em jogo em nenhum dos experimentos.

Os pesquisadores dizem que esse efeito pode ser o “efeito Papai Noel”, no qual as pessoas “se comportam bem”, porque Deus sabe quando elas estão sendo más. Ser lembrado da presença de um Deus onisciente ajuda as pessoas a resistir às tentações, por medo de serem “apanhadas” fazendo o mal.[LiveScience]

FONTE: http://hypescience.com/acreditar-ou-pensar-em-deus-pode-nos-deixar-%e2%80%9cpreguicosos%e2%80%9d/?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed%3A+feedburner%2Fxgpv+%28HypeScience%29

Já abraçar os conceitos do DISCORDIANISMO e pensar na DEUSA ÉRIS, DEUSA DO CAOS, pode ser um enorme catalisador psico-emocional-intelectual-motivacional…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: